sexta-feira, 18 de julho de 2008

Nilmar garante triunfo do Inter sobre o Galo

Quando começou o Campeonato Brasileiro, o Internacional era apontado como um dos sérios candidatos ao título. É verdade que a equipe passou por alguns desajustes, principalmente por causa da eliminação precoce da Copa do Brasil e das saídas do treinador Abel Braga e do atacante Fernandão. Mas aos poucos o Colorado mostra que tem um elenco para brigar pelo caneco, ainda mais quando atua no Beira-Rio.

Nesta quinta-feira, o Inter manteve a invencibilidade em casa e derrotou o Atlético-MG por 1 a 0, com um gol de Nilmar logo no inicio do embate. Com a vitória, o Colorado se encontra agora na oitava posição, com 18 pontos. Ao contrário da ascensão gaúcha, o Galo, que não vence há seis jogos, está na pífia 16ª colocação, próximo à zona de rebaixamento.

Tite manteve no Inter a formação que vem dando certo nas últimas partidas, com Nilmar tendo Alex como companheiro de ataque. A equipe joga com praticamente três zagueiros, já que Marcão, em tese lateral-esquerdo, pouco passa do meio-campo. Este estilo de jogo permite com que a equipe tome poucos gols.

Quanto ao Atético, Alexandre Gallo definitivamente dá mostras que está perdido no comando do time. A torcida atleticana não sabe quem são os titulares, nem mesmo a formação da equipe. Contra o Inter, Gallo retornou o esquema com três zagueiros. O treinador não contou com Petkovic, com cansaço muscular, e Danilinho, vendido para o futebol mexicano. Para os respectivos lugares o técnico colocou Elton e Renan Oliveira.

Falando com detalhes da partida, o Inter começou pressionando (fato comum quando o Colorado atua no Beira-Rio). Diante do bom inicio, os gaúchos foram premiados aos 6min, com uma saída equivocada de Edson, que Nilmar aproveitou de cabeça. O atacante dá mostras que está recuperando o bom futebol. Durante o primeiro tempo, o time do técnico Tite teve várias oportunidades para ampliar o marcador, mas Edson, com boas defeas, se redimiu da falha.

Acuado, o Atlético pouco assustou o goleiro Renan. Para complicar a situação da equipe (na verdade melhorou), Elton se contundiu ainda no primeiro tempo, dando lugar ao "xodó" Marques. Na volta do intervalo, Alexandre Gallo desfez o esquema com três zagueiros, promovendo a entrada de Gedeon no lugar de Leandro Almeida.

Entretanto, as alterações não surtiram o efeito esperado, e o Atlético continuou desarticulado na busca da igualdade. O Inter também pouco criou e apenas cadenciou a partida, garantindo mais um bom resultado no Beira-Rio.

Na próxima rodada, o Atlético busca reencontrar o caminho das vitórias contra o Coritiba, no Mineirão. Já o Internacional vai a Recife enfrentar o Náutico, nos Aflitos.

Imagem: Jefferson Bernardes/VIPCOMM


Luciano Dias

2 comentários:

Juan disse...

O Inter seguramente ganhe o campeonato. Começou com várias dúvidas e seguro que terminam bem.

Um saúdo e passa-te por meu blog: http://marcador-desportivo.blogspot.com/

Marcus disse...

nao acredito nao..
mas.. um coisa tenho certeza.. o galo esta se complicando