sexta-feira, 11 de abril de 2008

Capital x Interior

As semifinais do Campeonato Mineiro apresentam duas equipes da capital (Cruzeiro e Atlético) e dois times do interior (Tupi e Ituiutaba). Cruzeiro, primeiro colocado, e Ituiutaba, quarto, se enfrentam nos dias 12 e 20 de abril, ambas as partidas no Mineirão. Já a disputa entre Tupi, vice-lider, e Atlético, que terminou na terceira posição, será neste domingo, dia 13, em Belo Horizonte, e dia 19 no estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora. Por possuírem melhores campanhas, Cruzeiro e Tupi entram para os duelos com vantagens de dois resultados iguais.

Confira algumas caracterizações dos semifinalistas do Campeonato Mineiro:

O Cruzeiro sempre entra no estadual como um dos favoritos para a conquista. Durante maior parte da fase classificatória, o técnico Adilson Batista utilizou uma equipe mista, dando preferência à Libertadores. As exceções foram nos embates contra o Atlético (0-0) e Tupi (2-1), este na última rodada.

Os números da competição são favoráveis ao time celeste. Além da liderança inquestionável, com cinco pontos sobre o segundo colocado, a Raposa possui também o melhor ataque, com 22 gols.
Entretanto, mesmo com destacáveis números ofensivos, uma das grandes preocupações do treinador cruzeirense na temporada é encontrar o companheiro de ataque ideal para o boliviano Marcelo Moreno.

Pelo segundo ano consecutivo, o Tupi chega às semifinais do Campeonato Mineiro. A equipe liderou boa parte do estadual, chegando a disputar com o Cruzeiro na última rodada a primeira colocação. Durante a competição, o clube perdeu o treinador Moacir Júnior, que caiu com o Ipatinga. Para o lugar do técnico, a cúpula do Galo Carijó trouxe João Carlos, comandante com boas passagens no futebol do Rio de Janeiro. A compactação de todos os setores do time é a característica responsável pela boa campanha.

O detalhe, de certa forma negativo, é que o Tupi não venceu nenhum dos semifinalistas do campeonato: derrotas para Atlético e Cruzeiro (0-3/1-2) e empate em casa com o Ituiutaba (0-0).

Assim como o Cruzeiro, o Galo da capital é apontado como um dos credenciados para vencer o estadual. Não à toa, o Atlético é o maior vencedor do Campeonato Mineiro, com 39 conquistas. Nesta temporada, o time vem se mostrando muito irregular, perdendo quatro jogos no torneio, fato incomum durante a história.

A equipe alvinegra possui a melhor defesa do campeonato, com apenas sete gols sofridos. As jogadas individuais de Danilinho e Marques também são atributos que devem ser destacados. No entanto, alguns setores perturbam o técnico Geninho: a lateral esquerda, o camisa 10 (esperanças com Souza e Petckovic) e o centroavante.

O Ituiutaba existe há 60 anos, mas possui apenas 10 de profissionalismo. Nas primeiras rodadas, o time era apontado como um dos sérios candidatos ao rebaixamento. Mas, para uma duvidosa recuperação no campeonato, a diretoria do Boa trouxe o treinador que mais se identifica com a equipe: Nêdo Xavier.

Um fator preponderante para o Ituiutaba chegar à segunda fase é o estádio da Fazendinha, local onde a equipe está invicta. Entretanto, o time não vai poder jogar no estádio nesta fase, já que a Fazendinha suporta apenas cinco mil torcedores. Para as semifinais contra o Cruzeiro, a cúpula do Ituiutaba preferiu mandar o seu jogo no Mineirão, por motivos financeiros. A escolha pode prejudicar o clube para lograr a final, uma vez que a equipe não apresenta bons números fora de casa. Do atual elenco, destaca-se também o zagueiro Welton Felipe e o lateral esquerdo Baroni.

Imagens:
fmf


Luciano Dias

Um comentário:

Livros e Revistas disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Livros e Revistas, I hope you enjoy. The address is http://livros-e-revistas.blogspot.com. A hug.