segunda-feira, 30 de junho de 2008

Clássicos estaduais terminam empatados

A oitava rodada do Brasileirão apresentou três clássicos estaduais. Todos terminaram empatados – assim como a maioria dos jogos desta rodada - mostrando o equilíbrio deste Campeonato Brasileiro.

Grêmio x Internacional

No estádio Olímpico, em Porto Alegre, o Gre-Nal terminou em 1 a 1, graças a um lance polêmico. O goleiro do Inter, Renan, depois de defender bola cruzada na área, esticou demais a perna e agrediu Rodrigo Mendes. O assistente baiano Alessandro Matos acionou o árbitro mineiro Alício Pena Júnior, que, além de marcar corretamente o pênalti, expulsou o atleta do colorado. Depois de muita reclamação, aos 37min, Roger, com “paradinha”, bateu e igualou o placar. O Inter havia marcado primeiro, com Índio, aos 13min da etapa inicial.

Atlético Paranaense x Coritiba

O Atletiba, disputado na Arena da Baixada, também terminou no 1 a 1. Foi um embate bastante movimentado, com direito a uma expulsão para cada lado, gols anulados e dois tentos no final. Aos 37min da etapa complementar, Alan Bahia, de pênalti, fez o gol do Furacão. Mas, aos 41, Tamandaré apareceu na segunda trave, após cobrança de escanteio, para desviar a bola para as redes de Galatto.

Fluminense x Botafogo

No Rio, um clássico de baixo nível técnico. Fluminense e Botafogo empataram sem gols , no Maracanã quase vazio. O confronto foi marcado pelos erros de passe de ambas as equipes, muito vaiadas pelos torcedores. O Tricolor ainda tem a desculpa de só ter escalado reservas (exceto, o goleiro Fernando Henrique), por causa da final da Copa Libertadores contra a LDU, quarta-feira. Já o alvinegro de Geninho não se acerta e foi, mais uma vez, uma grande decepção.


Luciano Dias

Um comentário:

junoronha disse...

Que ótimo o blog vizinho! muito legal! parabens!