segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Empates marcam a rodada dos clássicos

A 30ª rodada do Campeonato Brasileiro foi marcada por empates e clássicos estaduais. Em Florianópolis, o Ipatinga (19º) conseguiu a igualdade diante do Figueirense (14º), graças a um gol do boliviano Pablo Escobar aos 48min da etapa complementar. Placar 1 a 1. O marcador se repetiu no confronto entre Coritiba (8º) e Goiás (9º), no Couto Pereira. As duas equipes, que estão próximas na tabela, deram adeus ao sonho de conquistar uma vaga na Libertadores'09.

Nos outros empates, o 2 a 2 prevaleceu. No clássico paulista, Palmeiras (3º) e São Paulo (4º) travaram um jogo eletrizante, no Palestra Itália. O Tricolor vencia até aos 35min do segundo tempo, mas permitiu o empate do Verdão em menos de dois minutos. Sport (11º) e Náutico (15º) promoveram um clássico nervoso na Ilha do Retiro. Talvez por causa do momento das duas equipes, que não venciam há quatro partidas (tabu que aumentou para cinco jogos). Onze jogadores receberam cartões amarelos e Roger, do Leão, e Ticão, do Timbu, foram expulsos.O outro 2 a 2 aconteceu no confronto entre Vitória (10º) e Fluminense (17º), que retornou à zona de rebaixamento.

Os maiores beneficiados com tantos empates foram, sem dúvidas, Cruzeiro, Flamengo e Portuguesa. O time celeste derrotou o arquirrival Atlético (12º) por 2 a 0, no Mineirão. A equipe aumentou o tabu, e não perde para o adversário há oito partidas. De quebra, assumiu a vice-liderança do Nacional. O Flamengo (5º) não ganhou nenhuma posição depois do triunfo de 1 a 0 sobre o lanterna Vasco, no Maracanã. Mas renovou as esperanças de conquistar o título do campeonato. A diferença para o líder Grêmio é de apenas quatro pontos. Tudo por causa do Tricolor Gaúcho, que poderia disparar mais uma vez na competição, mas foi derrotado para a Portuguesa (16º) por 2 a 0, no Canindé. A Lusa ganhou duas posições e saiu da zona da degola.

Fechando a rodada, o Internacional manteve a confiança de beliscar uma vaga no G-4. O Colorado derrotou o desesperado Atlético-PR (18º) por 2 a 1, no Beira Rio. E no Engenhão, o Santos (13º) ficou longe da zona do desespero após derrotar o Botafogo (6º) por 1 a 0.

Com estes resultados, cinco equipes - Grêmio, Cruzeiro, Palmeiras, São Paulo e Flamengo - polarizam a disputa pelo título. Lá em baixo, a briga para fugir da zona da degola está emocionante também. E se o campeonato terminasse hoje, três "grandes" seriam rebaixados: os cariocas Vasco e Fluminense e o Atlético do Paraná.



Luciano Dias

3 comentários:

Anderson Siqueira disse...

Só sei de uma coisa: essa rodada foi excelente pro Cruzeiro. E eu acertei os placares dos jogos do Cruzeiro e também do Palmeiras. AUhAUha!

Fábio disse...

alguém ainda tem dúvidas que o título é do cruzeiro?

Anderson Siqueira disse...

Rebuiti, vi seu programa (Interação) hoje na TV. A matéria sobre as Paraolimpíadas. Bacana cara! Parabéns e sucesso.